TDC 2018
Florianópolis
Um dos maiores encontros de comunidades e empresas no Brasil

Trilha Acessibilidade Transformando vidas através da tecnologia

Aqui é um espaço aberto para discutirmos tecnologias , práticas e projetos que trazem qualidade de vida ,, rompem barreiras , trazem igualdade de oportunidade a todos aqueles com uma ou mais deficiências físicas , sensoriais ou cognitivas.

Palestras

Importante: A grade de palestras está sujeita a alterações sem prévio aviso.
Conteúdo
08:00 às 09:00 Credenciamento e recepção dos participantes

Todas as pessoas inscritas, palestrantes, coordenadores e de imprensa, devem retirar seus crachás e kit do congressista nos balcões de credenciamento localizados na entrada do evento, para obterem acesso às salas e Auditório Principal.

09:00 às 10:00 Abertura do evento no Auditório Principal

Após o credenciamento, convidamos os participantes a comparecerem ao auditório para receberem as boas vindas por parte dos realizadores e patrocinadores.

Neste keynote de abertura, todos serão orientados sobre o funcionamento do evento, destaques e outras novidades.

10:10 às 11:00 Acessibilidade Web ? Obrigatoriedade Legal e Oportunidade de Negócios.
Marcelo Rocha

Nesta Palestra serão exibidas as leis que tornam obrigatória a Acessibilidade Web bem como o que isto representa em oportunidade de ganhos para o desenvolvedor. Cerca de 95% das páginas web apresentam algum tipo de falta de acessibilidade, o que representa 45 milhões de brasileiros. Preencher a esta demanda além de atender a um cunho social, trará um significativo incremento no resultado financeiro das empresas.

11:10 às 12:00 Escolhi uma plataforma para desenvolver. E agora?
Marlon Brandão de Sousa

Nesta palestra, falaremos sobre quais são os primeiros passos sugeridos para quem não enxerga e decidiu escolher uma nova plataforma de desenvolvimento ou linguagem de programação para trabalhar profissionalmente. Apesar de a experiência ser baseada em histórias de programadores cegos, muitos dos pontos se aplicam perfeitamente ao público que enxerga. Com algumas mudanças de plataforma na carreira, percebemos que alguns dos pontos a serem observados são muito similares a cada mudança. Esperamos, assim, fazer com que as suas próximas mudanças sejam mais tranquilas e produtivas também!

12:10 às 13:00 BIOS for the blind
Rafael Rodrigues Machado

Nesta palestra sera apresentado o projeto de mestrado do palestrante, que consiste no desenvolvimento de um driver de audio para ambiete pre-os (antes do sistema operacional ) , que vija permitir que no fuuro os bios dos computadores sejam acessiveis aos deficientes visuais.

Atividade!
Todos os Participantes!
13:10 às 14:00 Intervalo para Almoço
Uma excelente oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem e trocarem ideias, colaboradores, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.
14:10 às 15:00 Pessoas com deficiência na gestão de projetos e pessoas.
Sérgio Ramos de Faria

O foco dessa palestra são os conceitos de gestão de projetos e de pessoas com deficiência em equipes e projetos de TI. Tanto, pessoas com deficiência como líderes, ou que almejam a liderança, bem como liderar pessoas com deficiência. Tópicos abordados: conceitos básicos da gestão de pessoas; planejamento e controle de projetos focados em task; conhecimentos mínimos necessáriossobre o projeto que se está liderando; Conhecimentos mínimos sobre o trabalho da pessoa com deficiência. ferramentas que podem suportar o planejamento e o controle do projeto, task e pessoas.

15:10 às 16:00 Precisamos falar de acessibilidade nos chatbots
Caio Calado

Em 2017, nossa indústria ouviu falar muito sobre chatbots, especialmente porque foi considerado um tópico quente para a maioria das pessoas ? em alguns casos "isso é tão Black Mirror ...", algumas pessoas disseram. No entanto, ainda temos muito à aprender, principalmente quando se trata de acessibilidade.

Por exemplo: o que acontece quando uma pessoa cega tenta usar um chatbot?

Considerando que a maioria dos softwares raramente são projetados com as necessidades das pessoas com deficiência em mente e que os chatbots podem ser considerados um software, gostaria de compartilhar o resultado de uma pesquisa de UX e testes de usabilidade - e o porquê devemos nos preocupar com esse problema.

16:00 às 16:30 Coffee-break e Networking

Durante o intervalo de coffee-break, serão entregues kits contendo suco e biscoitos. Um delicioso intervalo para relaxar, conhecer novas pessoas e estreitar contatos.

Neste tempo, também surge a oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem entre sí, participantes das trilhas, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.

16:40 às 17:30 Ferramenta Onomatopeica para Testes de Usabilidade
Carlos Henrique Berg

Poucas ferramentas para testes de usabilidade de interfaces digitais avaliam as emoções das pessoas, principalmente em se tratando de pessoas com deficiência visual. A ferramenta onomatopeica foi desenvolvida para permitir que esse público possa opinar sobre interfaces digitais em testes de usabilidade que usam emoções. A pesquisa apontou que pessoas com deficiência visual constroem representações espaciais na mente usando outros meios que não a visão. Assim, considerou-se que as onomatopeias, forma não verbal de se exprimir emoções, pudesse ser usada para esse fim.

Uma Jornada no desconhecido: a contratação de uma pessoa com deficiência
Cristiano Souza

Recentemente tive a experiência de contratar uma pessoa com deficiência visual. Esta foi a primeira vez que a empresa onde trabalho contratava alguém com a necessidade de requisitos voltados a esta particularidade e gostaria de compartilhar com a comunidade as reflexões que auxiliaram nesta contratação. Também compartilharei atitudes que o candidato tomou no processo seletivo que auxiliaram a decisão e que abriram as portas para tornar este um relacionamento de sucesso.

17:40 às 18:30 Desenvolvendo uma carreira de sucesso
Alexandre Santos Costa / Michelle Frasson

Apesar de sucesso ser algo relativo com certeza temos algo em comum e é por isto que nesta palestra irei compartilhar minha trajetória e dentro dela dicas, tanto para voce pessoa com deficiência, como para voce gestor/recrutador e com isto possibilitar que a inclusão no mercado de trabalho seja realmente efetiva

18:40 às 19:00 Encerramento e Sorteios

No horário de encerramento, todas as trilhas serão direcionadas de suas salas para o Auditório Principal, mesmo local da abertura.

Após a apresentação de resultados do dia muitos sorteios fecharão o dia.

Data e Local

Quarta-feira, 18 de Abril de 2018

8:30 às 19:00 h

CentroSul

Av. Governador Gustavo Richard, 850
Centro | Florianópolis - SC

Informações sobre Data e Local


Público Alvo

Pessoas com deficiência ou com interesse em inclusão , profissionais que querem melhorar suas soluções tecnológicas ou aprender mais sobre o tema e profissionais de recursos humanos ou ligadas a programas de diversidade


Investimento

presencial:R$ 200,00

Fazendo sua inscrição presencial, você terá acesso a esta trilha e no mesmo dia também:
TDC Expo: Venha conversar com pessoas e conhecer empresas incríveis.
Trilha Stadium: Você poderá assistir às palestras da trilha Stadium do mesmo dia.